Aging in Market: o que o marketing digital precisa aprender sobre o público 60+

Aging in Market: o que o marketing digital precisa aprender sobre o público 60+

Muito se fala e estuda sobre os Millennials, mas não se pode ignorar que o aumento
da expectativa de vida, aliada à redução no número de filhos por casal ao longo das últimas décadas, inverteu a ordem da pirâmide etária brasileira.

Uma diferença de menos de 20 anos já mostra um afunilamento da base, indicando que a tendência é a inversão dessa pirâmide.

 

Aging in Market: o que o marketing digital precisa aprender sobre o público 60+
Imagem: Population Pyramid
Aging in Market: o que o marketing digital precisa aprender sobre o público 60+
Imagem: Population Pyramid

Esse cenário é um alerta para profissionais de marketing prestarem atenção na população da terceira idade.

Aging in Market
O conceito de Aging in Market, criado por Martin Henkel, co-fundador da Senior Lab, consultoria especializada em inteligência no mercado 60+, pega gancho no termo Aging in place, que visa a adaptação estrutural, logística e social para oferecer condições adequadas a quem atingiu essa fase etária.

Um levantamento da Senior Lab aponta que 49% desse público usa a internet para realizar compras, gerando R$ 15 bilhões em consumo de e-commerce. A pesquisa buscou entender hábitos comportamentais, de compra, atitudes e percepções dos seniores conectados à internet.

63,7% desse público possui Smartphone próprio e gasta um tempo médio de 57 minutos na internet por dia.

De acordo com a pesquisa, um dos principais motivos para a compra online é fugir de um possível mau atendimento em lojas físicas, porém, boa parte desses consumidores temem a segurança no ambiente digital.

Os dados mostram ainda que o público 60+ é um campo pouco explorado pelas estratégias de marketing: 58,8% dos entrevistados afirmou não lembrar de marcas que se comunicam diretamente com seniores.

Alguns ajustes realmente se fazem necessários para incluir essa faixa de mercado:

Navegação intuitiva
Um design responsivo, com o mínimo de ruídos visuais, e objetivo são predicados esperados de qualquer boa tática de UX, porém, com esse público específico, a atenção deve ser redobrada.

Ganhar confiança
Conquistar a credibilidade dos 60+ é um desafio, já que 57,7% não se sente totalmente seguro na hora de efetuar uma compra. Aposte em um bom trabalho de branding, de storytelling e que valorize o feedback dos usuários.

Vendas online são mais confortáveis
Essa é uma realidade para todos os públicos, porém, aqui, levamos em consideração a questão da mobilidade. A marca que conseguir trabalhar esse aspecto tem grandes chances de conquistar o mercado.

Google: por isso invista em SEO
77,5% utiliza o Google como forma de pesquisa, por isso, invista em SEO para angariar esses consumidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top